Notícias

Projetos artísticos e comunidades no centro da nova formação da Artemrede


Em outubro, a Artemrede organiza uma formação em Mediação Cultural centrada no desenvolvimento de projetos artísticos com as comunidades.

A formação, a realizar em Alcobaça e no Montijo entre os dias 9 e 11 de outubro, destina-se exclusivamente aos técnicos dos equipamentos dos municípios associados da Artemrede.

No dia 9 de outubro, o italiano Luca Ricci (foto) dará uma masterclass na qual partilhará a sua experiência quanto à participação dos espectadores em projetos culturais. Ricci é o Diretor Artístico do festival Kilowatt, cuja crescente reputação internacional se deve em parte à iniciativa Visionari, na qual a comunidade de Sansepolcro passou a decidir uma linha de programação do festival. A iniciativa foi depois replicada em outras cidades italianas e acabou por ganhar contornos europeus com o projeto Be SpectACTive!

Nos dias 10, em Alcobaça, e 11 de outubro, no Montijo, Inês Barahona, da companhia Formiga Atómica, orientará dois workshops nos quais os conteúdos partilhados por Luca Ricci se articularão com os contextos locais e com os desafios atuais da Artemrede.

Efetivamente, a Artemrede desenvolve agora - e continuará a desenvolver em 2018 - vários projetos que implicam mediação e envolvimento de comunidades diversas em contextos não menos diversos e desafiantes.

Vários associados começarão em breve a constituir os seus grupos de Visionários, numa iniciativa inédita em Portugal, inspirada nos Visionari italianos. Promovendo a evolução de espectadores a programadores, Visionários pretende empoderar o público, que deixa o seu estatuto tradicionalmente passivo e passa a participar nos processos de seleção de uma linha da programação dos teatros dos seus municípios.

O projeto Odisseia continuará a envolver jovens dos municípios de Oeiras, Moita, Barreiro, Santarém, Almada e Sesimbra em várias ações de formação de diferentes áreas disciplinares. Depois das formações e dos espetáculos com Rui Catalão e com a companhia Radar 360º, o Odisseia contará com o músico e cineasta António-Pedro na sua terceira e última fase, que se inicia ainda este ano em Sesimbra.

Em 2018, as populações de Alcobaça e Montijo terão a oportunidade de participar em duas residências artísticas com a companhia mala voadora e depois integrar o elenco da peça A Manual on Work and Happiness. Este espetáculo, recentemente escrito numa residência no centro L'arboreto (assista ao vídeo), será também apresentado em Patras (Grécia) e em Pergine (Itália), contando com as comunidades locais, no âmbito do primeiro projeto europeu liderado pela Artemrede e com o apoio do programa Europa Criativa.

A formação é, desde a criação da Artemrede, um dos principais eixos de ação da rede, tendo contribuído para a qualificação de centenas de técnicos municipais em áreas tão diversas quanto gestão, programação, estratégias de mediação e comunicação, entre outras.

Modificado emsexta, 22 setembro 2017 13:41
Newsletter
ARTEMREDE - Teatros Associados
Palácio João Afonso
Rua Miguel Bombarda, 4 R/C
2000-080 Santarém
Portugal
T. 243 322 050 / 243 321 878